A pesquisa de mercado para abrir uma franquia é de fundamental importância, independentemente do porte ou do ramo de atuação do seu negócio. Essa ferramenta oferece insights cruciais que podem auxiliar você a entender melhor o que os consumidores pensam a respeito da marca, serviço ou produto.

Dessa forma, você poderá, também, compreender o ambiente competitivo e a concorrência, aspectos que são indispensáveis para garantir o sucesso das suas estratégias empresariais. Pensando nisso, apresentamos, ao longo deste artigo, as melhores dicas para assegurar o êxito da sua pesquisa. Boa leitura!

Definição do público-alvo e dos objetivos

Essa etapa visa definir o público para o qual a pesquisa será aplicada e as metas que você deseja atingir. Determinar os objetivos, nesse contexto, significa estabelecer o que deve ser alcançado por meio da efetivação dessa pesquisa — objetivo primário ou geral.

Os aspectos que ajudam a atingir o objetivo primário são definidos pelos secundários, detalhando questões a serem direcionadas, particularizadas e pesquisadas. Inclusive, é altamente recomendável que a sua pesquisa parta de uma necessidade real de informações, de situações em que persistem dúvidas que precisam ser respondidas.

Lembre-se de que, além desses objetivos técnicos, a pesquisa de mercado comunica a todos que a sua empresa prioriza a qualidade dos produtos e/ou serviços comercializados, o que contribui significativamente para elevar os índices de fidelização de clientes.

Definição da coleta dos dados

Definir a coleta de dados diz respeito ao levantamento das informações que são necessárias para realizar a pesquisa. Tal esforço engloba tanto a coleta de dados primários quanto dos secundários.

Dados secundários

São as informações que podem ser imediatamente encontradas em fontes como associações de classe, revistas, jornais, internet etc. Há inúmeras formas de obter dados sobre a sua empresa, é possível coletar notas importantes para a pesquisa ao explorar no interior do próprio negócio (banco de dados interno).

Dados secundários externos

Essas informações são as que podem ser encontradas em ambientes externos à sua empresa, por meio, por exemplo, de fontes governamentais como o IBGE, o SEADE, o IPEA, entre outros.

Dados primários

Tratam-se de informações não disponíveis. Para reuni-las é preciso coletar dados junto a profissionais especializados ou por sua própria conta, junto a clientes, fornecedores e concorrentes. Para tanto, é essencial elaborar questionários objetivos com os itens que, segundo os propósitos de sua pesquisa, sejam considerados prioritários.

Método de pesquisa de dados primários

A metodologia de pesquisa escolhida, isto é, aquela que você efetivamente empregará, depende de fatores como: o orçamento disponível, o prazo, o público-alvo, a natureza das informações pretendidas e, sobretudo, o objetivo de cada pesquisa.

Entre as várias possibilidades, há dois métodos que se destacam: a pesquisa quantitativa e a qualitativa. É possível utilizar, inclusive, ambas as alternativas, sempre de acordo com os objetivos das suas investigações.

Pesquisa qualitativa

A pesquisa qualitativa serve para identificar a percepção do público com análises subjetivas sobre empresas, serviços e produtos, com o intuito de apontar tendências e comportamentos.

Pesquisa quantitativa

Esse método opera com indicadores estatísticos e segue critérios matemáticos, sendo mais indicado para mensurar preferências, atitudes, opiniões, estimar o volume ou o potencial de vendas da empresa e medir a importância e o tamanho de determinados segmentos do mercado.

Embora os limites do presente artigo não nos permitam aprofundar os procedimentos possíveis para a realização de análises quantitativas e qualitativas, vale ressaltar a necessidade de definir os meios de aplicações da pesquisa de mercado para abrir uma franquia de acordo com as especificidades do seu negócio e as características gerais do seu ramo de atuação.

Está considerando diferentes possibilidades para abrir o seu próprio negócio? Então, saiba por que investir no mercado da moda no Brasil